Santa Casa
SCBH Ensino e Pesquisa Funerária Santa Casa BH Santa Casa BH IGAP São Lucas CEM


SCBH e Sinditraux assinam acordo coletivo de trabalho

Publicado em: 23/11/2021 - Atualizado em: 23/11/2021 17:03:08

     

A Santa Casa BH (SCBH) e o Sindicato dos Profissionais que Trabalham com Radiação, Auxiliares, Ultrassonografia e Xerorradiografia do Estado de Minas Gerais (SINDITRAUX-MG) formalizaram, na tarde da última terça-feira, 16/11, um Acordo Coletivo de Trabalho  (ACT) que confere amplos benefícios aos profissionais que atuam com radiação, ultrassonografia e xerografia no Grupo Santa Casa BH. A decisão foi oficializada em uma reunião que contou com a presença do provedor da SCBH, Roberto Otto Augusto de Lima, do diretor Jurídico, Governança e Planejamento, João Costa Aguiar Filho; do diretor de Educação, Comunicação, Marketing e Responsabilidade Social, Carlos Renato de Melo Couto; do diretor Financeiro e Gestão Corporativa, Gilberto Oliveira M. Côrtes, da superintendente Jurídica, Carla Mainardi, e da advogada Bárbara Cazelli dos Santos. Representando o SINDITRAUX-MG, estavam presentes o diretor-presidente, Antônio Carlos Reis Giovanini, e a advogada, Adriana Mendonça. 

Carla Mainardi explicou alguns pontos contemplados no acordo. “Ele oficializa os reajustes salariais graduais até fevereiro de 2022, a adoção do registro alternativo de ponto, com reconhecimento facial e inserção de dados no próprio celular, além de definir normas para o trabalho home office, que se tornou uma realidade concreta para muitos setores na pandemia”, destacou a superintendente Jurídica. 

O documento dispõe, ainda, sobre auxílio-refeição, trocas de plantões, banco de horas, auxílio creche, auxílio funeral, estabilidade após afastamento previdenciário e período pré-aposentadoria, além de outros benefícios. 

Para o diretor jurídico, Governança e Planejamento, esse primeiro acordo vem consolidar os diálogos e trocas bem sucedidas entre a Santa Casa BH e o SINDITRAUX-MG, visando à garantia dos direitos e dos benefícios para os trabalhadores.

O diretor-presidente do sindicato também ressaltou a importância do acordo coletivo firmado, que trouxe maior estreitamento dos diálogos entre as partes, além de garantir mais segurança aos trabalhadores. “Este momento mostra que há a intenção conjunta de, por meio de uma boa relação, resolver as dificuldades da categoria. Estamos passando por um momento muito difícil, com inflação alta, e isso demonstra que há uma harmonia e o desejo das partes de solucionar os problemas que aparecem no dia a dia, como a questão do dissídio coletivo”, completou  Antônio Carlos Reis Giovanini.