Santa Casa
SCBH Ensino e Pesquisa Funerária Santa Casa BH Santa Casa BH IGAP São Lucas CEM


SCBH implementa sistema de liberação de leitos, via tablet, após higienização

Publicado em: 24/08/2022 - Atualizado em: 24/08/2022 15:22:24

     
A Santa Casa BH acaba de implementar uma importante ferramenta de inovação em saúde: a liberação de leitos após a higienização, por meio de totens via tablets, localizados nos corredores do hospital. O novo recurso tem sido muito elogiado por diminuir, de forma considerável, as eventuais falhas de comunicação entre as áreas, como relata a auxiliar de serviços gerais, Lúcia Helena Ferreira. “Já tiveram dias que eu higienizei um leito que já estava higienizado. Por isso, havia uma grande necessidade de verificação e a gente perdia tempo nessa conferência. Os tablets melhoraram bastante o nosso trabalho e facilitaram a nossa vida”, disse Lúcia.
 
“A primeira semana de adaptação foi satisfatória, mas tivemos algumas intercorrências com as configurações de logins e acessos. Apesar disso, tivemos treinamentos e as auxiliares de serviços gerais estão se sentindo supervalorizadas e com orgulho estampado no rosto”, conta Fátima Nascimento, coordenadora da hotelaria da SCBH. 
 
Fátima acompanhou o processo de planejamento dos totens via tablets desde 2019 e conta que essa inovação demandou tempo: “Percebemos como era difícil o trabalho das encarregadas, que ficavam responsáveis por muitos andares e leitos ao mesmo tempo. Em 2020, amadurecemos a ideia, porém vieram a pandemia e algumas trocas de gestores. Apenas neste ano, conseguimos dar continuidade ao projeto e, finalmente, aumentar efetivamente o giro de leitos”. Além disso, o processo de implementação e treinamentos foi todo acompanhado pela supervisora Cintia Paula.
 
Com essa novidade, a equipe de higienização consegue ser mais eficaz e contribuir para os trabalhos operacionais do hospital. Por meio dos tablets, será possível mensurar o tempo gasto para liberação dos leitos, já que o programa gera relatórios a partir do momento que começa a higienização até a dispensa do leito. “Com esse sistema instalado, os leitos serão ofertados para a central com maior agilidade, melhorando a nossa produção hospitalar, visto que conseguiremos internar mais pacientes e alinharmos o nosso contato, a nossa interface e a nossa comunicação”, pontuou Kátia Candéa, Gerente de Hotelaria e Facilities no Grupo Santa Casa BH.
 
Todo esse processo acontecia de forma muito mais demorada e fragmentada. As encarregadas circulavam pelo hospital e verificavam com as auxiliares se o leito já estava higienizado, só depois era liberado no sistema, repetindo todo o processo no próximo andar, o que não favorecia a otimização da utilização dos leitos. Implementando os tablets, a própria auxiliar de serviços gerais consegue fazer essa liberação. Hoje, temos instalado um tablet por área, ou seja, cada auxiliar consegue liberar o seu próprio leito, sem ter que aguardar a encarregada passar. 
 
O projeto Higienização Mobile teve início há dois anos, com uma série de etapas, como a definição dos equipamentos que seriam utilizados e do fluxo de higienização dos leitos, processo de compra de 50 tablets, configuração do aplicativo, testes de usabilidade e a implementação. O time de testes e configuração da TI fez parte de cada etapa do projeto, representados pelo Analista de Suporte, Miguel Ranieri. “O processo será otimizado e o tempo de ociosidade do leito mensurado, gerando estatísticas onde até então não era possível. A equipe da higienização poderá ver em tempo real os pacientes que estão com alta, facilitando o planejamento e o direcionamento da equipe interna”, relatou Henrique Argon Vieira, coordenador de Desenvolvimento e Implantação de Sistemas.
 
Quando o assunto é inovação, a Santa Casa BH é referência. A higienização hospitalar tem um papel crucial na prevenção de infecções, garantindo que os pacientes, seus familiares e os funcionários tenham um ambiente limpo e seguro. Usando a tecnologia a nosso favor, continuamos entregando um atendimento de ponta para a população. Evoluções tecnológicas estão dentro de nossos hospitais, que propõem soluções eficientes para melhorar ao máximo os processos internos, garantindo a assertividade no cuidado com o paciente.